Câmara aprova seis projetos de lei em primeira discussão

IMG_3420 (Copy).jpg

Na terça-feira, 20, aconteceu a 11ª Sessão Ordinária de 2017 com a presença de todos os vereadores. Durante os trabalhos parlamentares, os edis aprovaram dois pedidos de urgência do Executivo, para que os projetos de lei (PL) 23 e 24 de 2017, tramitem com maior agilidade no Legislativo. Ambos têm como objetivo reajustar os Auxílios de Alimentação e Saúde dos servidores municipais.

O projeto de lei 17/17 que trata do pagamento de gratificação financeira aos servidores do Executivo que integrarem comissões especiais de irregularidades, sindicâncias e processos administrativos, foi aprovado. Para cada relatório entregue, será pago o valor de R$ 100, sendo que num mês o servidor ou comissão poderá entregar no máximo 15 documentos. Os vereadores Marcelo D2 (PROS), Xandynho Ferrari (PSD), Tiguila (PPS), Zé Coco (PV) e Kiko (PRB) votaram contra. Para entrar em vigor a medida agora aguarda a sanção do prefeito Dixon Carvalho (PP).

A Câmara ainda aprovou seis projetos e viu o PL 25/17 que trata da obrigatoriedade da contratação de artistas locais para se apresentaram em eventos da iniciativa privada, de autoria de Tiguila, ser retirado de pauta a pedido do parlamentar Edilsinho (PSDB).

A próxima sessão acontece no dia 4 de julho. 

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo