Câmara retoma sessões solenes para homenagear cidadãos paulinenses

A Câmara de Paulínia volta a promover sessões solenes, a partir desta sexta-feira (12/11), para reconhecer o papel de cidadãos que contribuíram com a história de Paulínia.

Os títulos foram aprovados em sessões legislativas e agora serão entregues pelos vereadores que apresentaram as propostas. O Plenário está aberto para 80% do público, respeitando protocolos contra a Covid-19, e os eventos serão transmitidos ao vivo no site institucional, no perfil da Câmara no Facebook e no canal do Legislativo no YouTube.

Veja as próximas datas e saiba mais sobre os homenageados:

Valdir dos Anjos Joaquim

12/11
19h30
(autor da proposta: Ver. Cícero Brito)

Valdir dos Anjos Joaquim
Trabalhou 18 anos como bombeiro na Replan. Após sua aposentadoria, atuou nas Secretarias Municipais de Meio Ambiente, Defesa Civil e Segurança Pública. Integrou a Polícia Civil com a Polícia Militar; providenciou a compra de viaturas para Guarda Municipal; apoiou a aprovação da Lei de Armamento para Guarda Municipal; e promoveu apoio à população em situações de risco. Nascido em Santos, em 1941, é casado com Dalva Helena Marques Joaquim, tem três filhas e dois netos.

19/11, 19h30
(autor da proposta: Ver. Alex Eduardo)
Gustavo Luís Greco
O músico nasceu em Amparo, em 1987, e com dois anos já veio morar em Paulínia. Trabalhou em empresas do ramo de combustível e iniciou os primeiros passos na música em 2001. Em 2010 iniciou uma promissora parceria que segue crescendo como a dupla sertaneja Júlio e Gustavo. É casado com Débora Cristina Sacchi.

Moisés Buglioli
Conhecido como Júlio da dupla sertaneja com Gustavo, nasceu em Paulínia em 1988 (por isso, receberá título de Cidadão Emérito). Aos 15 anos começou sua carreira como compositor e músico. Nesses 11 anos de carreira, já fez shows em vários Estados do país e também na Argentina, levando o nome do município para além da fronteira. É casado com Pamela Tenório Buglioli e pai de Théo Tenório Buglioli.

Marcos Roberto Caetano
Filho de agricultor e cabelereira, o mineiro de Uberaba nasceu em 1972 é o único médico da família. Chegou em Paulínia com 28 anos, buscando especialização na Unicamp. Neste período apaixonou-se pela esposa Caroline Soares Caetano e resolveu aqui construir sua carreira e sua família. Há 19 anos atua na cidade, no Hospital Municipal e também em uma clínica privada. Colaborou com ações que fizeram o município registrar uma das menores taxas de mortalidade infantil no país, com medidas de atenção às gestantes, que foram seguidas em outros locais. Participa ainda do projeto da nova maternidade de Paulínia, ainda a ser inaugurada.

André Antonio Ferro
Secretário da 112º Junta de Serviço Militar de Paulínia, nasceu em Campinas em 1965. Neto do ex-vereador Hélio Ferro, cresceu em Paulínia e casou-se com Silvia Emília Perissinotti Ferro, com quem teve duas filhas. Foi agraciado com várias honrarias por seu desempenho, como o diploma Olavo Bilac, por mais de 30 anos de dedicação ao Exército Brasileiro e ao Serviço Militar.

Irene Moreira (autor da proposta: ex-vereador Danilo Barros)
De família de origem humilde, nascida em Betim (MG) em 1954, sempre se interessou por vendas e aos 13 anos já dava aulas de corte e costura. Casada com Paulo Maurício Moreira, mãe de três filhos, chegou a Paulínia em meados de 1985 para auxiliar o sogro num negócio. Vendeu roupas infantis, e com o aumento da procura abriu uma loja na sala de casa, espaço que cada vez mais precisou ser ampliado. Hoje a loja batizada com seu nome tem sede própria em um local privilegiado na cidade e já tem mais de 30 anos de existência. Irene também organizou desfiles filantrópicos em espaços de Paulínia.

[av_gallery ids=’19749,19748,19747′ style=’thumbnails’ preview_size=’portfolio’ crop_big_preview_thumbnail=’avia-gallery-big-crop-thumb’ thumb_size=’portfolio’ columns=’3′ imagelink=’lightbox’ lazyload=’avia_lazyload’ id=” custom_class=” av_uid=’av-vpn3pc’ admin_preview_bg=”]

25/11
19h30
(autor da proposta: ver. Messias Brito)

Élio Silva Almeida

Élio Silva Almeida
Natural de Iguaí (BA), em 1963, chegou na cidade há 20 anos. É teólogo, pedagogo e empreendedor na área educacional e comercial, sendo fundador e diretor da rede Meu Colégio. Através de convênio com o governo do Estado, trouxe ao município o Programa Vence, dando oportunidade de cursos técnicos para mais de 500 alunos das escolas públicas, de forma gratuita.

Colaborou com a elaboração de programas da Secretaria da Educação do município, como o PROEB e o Decenário da Educação, além do Programa Jovem Cidadão, idealizado pela Câmara Municipal. Presidiu a Associação Comercial e Industrial de Paulínia (Acip) e atua como ministro do Evangelho há 38 anos. É casado com Marilze Aparecida Hamann Almeida, com quem teve dois filhos.

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo