DOUTOR JOAO MOTA

Doutor João Mota declara apoio às manifestações em todo o Brasil

Petista destacou também a importância da participação dos paulinenses nas manifestações, desde que seja de forma legitima e apartidária

DOUTOR JOAO MOTAComo a presidenta Dilma Rousseff, o vereador Doutor João Mota também declarou apoio às manifestações que vem ocorrendo em todo o Brasil, durante a 11ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Paulínia, realizada na noite de ontem dia 18. O vereador petista disse que as manifestações pacíficas são legítimas e próprias da democracia, mas repudia com veemência os atos de vandalismo.
“Eu apoio a manifestação de forma pacífica, ordeira, com um grande número de pessoas participando para reivindicar seus direitos, mas sem vandalismo e violência”, disse Mota. O petista destacou também a importância da participação dos paulinenses nas manifestações, desde que seja legitima e apartidária. Para ele, o povo de Paulínia também tem que reivindicar, mas de forma ordeira e sem o envolvimento de partidos políticos nos atos.


Meio Ambiente foi destaque nas proposituras apresentadas pelo vereador

Das cinco proposituras apresentadas pelo vereador, umas delas, relacionada ao meio ambiente foi destacada pelo parlamentar, que é implantação de EcoPontos na cidade. “Este projeto será mais um de suma importância para a preservação ambiental na nossa cidade”, explicou Mota. A implantação de EcoPontos para a coleta de materiais recicláveis consiste em containers individualizados para o recolhimento em separado de materiais como eletroeletrônicos, restos de ajardinamento, lixo de construção civil, móveis velhos usados, entre outros materiais, que serão destinados à reciclagem e compostagem.
O projeto de EcoPonto visa eliminar os problemas hoje constatados de lixo jogado na rua entre outros locais. A escolha das áreas onde serão criados os EcoPontos deve considerar a sua localização geográfica e facilidade de acesso para os usuários. O local deverá ser aberto, assim como os containers, evitando que o material depositado permaneça por muito tempo no local. Caberá à Prefeitura fazer a retirada regular dos materiais, conforme a demanda.
Outro destaque dos trabalhos foi um requerimento enviado a Concessionária Rota das Bandeiras que pede estudos para a implantação de semáforo ou redutor de velocidade nas alças de acesso a Rodovia SP-332 no bairro Betel. A instalação se faz necessária, devido ao fato de que muitos motoristas não obedecem as placas de sinalização nestes locais; imprudência que provoca acidentes e põe em risco a vida de todos os condutores. Apesar das sinalizações verticais e no solo, muitos condutores simplesmente ignoram e adentram nas vias como se tivessem a preferência. O Código de Trânsito brasileiro (CTB) diz que o PARE deve ser encarado como um sinal vermelho. Avançar ele, portanto, resulta em multa gravíssima, que acrescenta 7 pontos na CNH e multa de R$ 191,54.
Como a fiscalização por parte da Polícia Rodoviária é pouca, a situação continua a se agravar, principalmente nos horários de pico, horário em que se concentra o maior número de infrações no local. Como na rodovia, as alças recebem diariamente centenas de veículos, muitos deles são caminhões com produtos inflamáveis, algo que em caso de acidente pode acarretar grandes tragédias. O objetivo é evitar que mais acidentes aconteçam e que a vida dos condutores seja preservada.

Outras três proposituras foram apresentadas;

Sugere ao Executivo a cessão de uma área para construção do Fórum do município.
Sugere ao Executivo a operação tapa-buraco na Avenida José Lozano de Araújo no trecho do Balão do Sambódromo até o portal Greco-Romano.
Requer a Polícia Rodoviária do Estado de São Paulo, fiscalização em dias úteis, nas alças de acesso a Rodovia SP-332 no bairro Betel, nos horários entre às 6h30 e 9h00; e 17h e 19h30.


Fonte: Assessoria de Imprensa do vereador Doutor João Mota 

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo