Setor de Queimados no HMP e hospital universitário são reivindicações de Fiorella (PSB)

Para o vereador Marcos Roberto Bolonhezi, o Marquinho Fiorella (PSB), a produção local de produtos inflamáveis, como gás de cozinha e petróleo, deixa Paulínia vulnerável a acidentes por explosão e, por isso, a cidade precisa estar preparada para atender eventuais ocorrências.

“Nosso município, por abrigar um polo Industrial de grande porte na área da Replan (Refinaria de Paulínia) e diversas engarrafadoras e distribuidora de gás e petróleo, encontra-se em posição de altíssimo risco no que compreende os acidentes por explosão”, diz o texto da Indicação 191/2019, na qual o parlamentar pede um setor especializado para queimados no Hospital Municipal de Paulínia (HMP).

A ampliação do HMP contempla enfermarias para vítimas de queimaduras, mas, apesar de construídos, os novos setores do hospital da cidade ainda não estão funcionando, porque, segundo a prefeitura, precisam ser equipados. Na madrugada de 20 de agosto do ano passado, uma explosão seguida de incêndio (foto acima) destruiu parte das unidades da Refinaria de Paulínia e deixou moradores assustados. A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) interditou as instalações afetadas.

Ainda na área de saúde, Fiorella (PSB) pede a instalação de um hospital universitário no município para ampliar e melhorar o atendimento à população. Segundo ele, existem experiências reconhecidas em várias cidades brasileiras. “O Hospital Universitário tem uma missão definida, que envolve, por exemplo, prestar assistência integral à saúde, com excelência e qualidade, tendo obtido reconhecimento nacional decorrente de suas ações e atua em praticamente todas as especialidades médicas. O reconhecimento também tem vindo do usuário, que pelas pesquisas de satisfação registra sua opinião favorável ao hospital”, afirma a Indicação 190/2019, do parlamentar.

Trânsito e Reciclagem

Fiorella (PSB) defende que estabelecimentos comerciais de produtos eletrônicos sejam obrigados a receber aparelhos usados, na ocasião da venda de novos (Indicação 188/2019). O destino dos produtos inservíveis será a reciclagem. Já a obrigatoriedade da coleta pelas lojas, por meio de projeto de lei de autoria do Poder Executivo.

O parlamentar reivindica, ainda, lombofaixa na Avenida Pedro Antonio Bordignon, no bairro São José I (Indicação 189/2019), e medidas para melhorar a mobilidade urbana no cruzamento das Avenidas Luiz Gonzaga Ramalho e Severino Beraldo, no bairro Marieta Dian (Indicação 168/2019). As reivindicações de Fiorella (PSB) foram apresentadas na sessão legislativa de terça-feira (26) e encaminhadas aos setores públicos competentes, para providências.

CORREÇÃO
As proposituras do vereador Marquinho Fiorella (PSB), citadas nesta matéria, foram apresentadas na Sessão Ordinária de 12 de março e não do dia 26 de fevereiro, como informamos acima. Pelo erro, pedimos desculpas ao parlamentar e ao público.

Acompanhe andamento das propostas:

Texto: Mizael Marcelly (MTb nº 40.914/SP)
Assessoria de Imprensa
imprensa@camarapaulinia.sp.gov.br
Foto: Reprodução/Internet

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo