Câmara estabelece novas restrições e reativa Comitê de prevenção

Diante do aumento do número de casos de Covid-19 e Influenza na cidade, a Câmara de Paulínia definiu novas restrições relacionadas à prevenção de doenças.

De acordo com o Ato da Mesa 01/2022, as sessões (que recomeçam em fevereiro) receberão apenas 50% do público.

A prestação de serviço e o atendimento na Casa de Leis permanecem de forma presencial, uma vez que a totalidade dos servidores já possuem esquema vacinal completo, e boa parte com dose de reforço.

Fica autorizado teletrabalho no caso de gestantes e para casos confirmados ou suspeitos das doenças.

Destacamos que os protocolos obrigatórios de prevenção, higienização e cuidados adotados pela Câmara continuam sendo executados com rigor e transparência.

Os servidores que apresentarem sintomas como febre, falta de ar, tosse, dor de garganta, falta de olfato e paladar, entre outros, são orientados a procurar pela UBS Aristóteles Costa, no bairro João Aranha.

O Comitê Interno, Especial e Temporário de Enfrentamento e Prevenção a Covid-19 e Influenza da Câmara Municipal continua orientando e acompanhando todos os casos suspeitos e positivados entre os servidores.

Novas informações relacionadas à vacinação, casos suspeitos e confirmados serão divulgados as segundas-feiras, nas redes oficias da Câmara.

 

 

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo