João Basílio e Peterson de Mello são reconhecidos como Cidadãos Paulinenses

Dois nomes conhecidos na cidade, principalmente pelos moradores mais antigos, tiveram a trajetória reconhecida com títulos de Cidadão Paulinense: o senhor João Basílio Moreira, de 88 anos, e o judoca e professor Peterson de Mello, de 43 anos. A homenagem foi aprovada pela Câmara, com base em proposta do vereador Zé Coco (PSB).

João Basílio viu o município crescer e fez história com sua “bonequinha” desfilando nos carnavais paulinenses. Nascido em Pouso Alegre (MG) em 1932, chegou em Paulínia aos 18 anos de idade, quando o pai, Sebastião Basílio Moreira, passou a trabalhar na Fazenda São Francisco (comprada pela Rhodia). Ele também trabalhou no local e, mais tarde, casou-se com Maria Júlia Moreira. O casal teve dez filhos.

O homenageado prestou serviços à Prefeitura a convite do então prefeito José Lozano Araújo e atuou em diversos setores do governo municipal, ajudando em eventos como Carnaval e Festa do Peão, até se aposentar.

Peterson de Mello conquistou vários títulos como atleta: foi campeão paulista por seis vezes, além de campeão de Copa do Brasil, e conquistou medalha de bronze em um Mundial, dentre muitas outras vitórias, representando Paulínia e outras cidades paulistas. Hoje, passa seus conhecimentos a alunos da academia Clip.

Ele nasceu em Itapira (SP), em 1977, e mora em Paulínia desde 2007. É casado com Carolina Trevenzoli Gomes de Mello e pai de Henry e Matheus. Formado em Educação Física na UniFaj em Jaguariúna, estudou no instituto Kodokan Tokyo Japão e foi dono de uma empresa elétrica.

Zé Coco entregou placas comemorativas aos dois novos cidadãos do município. Para o vereador, é muito importante reconhecer em vida o trabalho de pessoas que contribuíram com a história da cidade.

 

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo