dsc 1471 20141015 1661377083

Doutor João Mota pede ampla discussão sobre PPP do Parque Brasil 500

O prazo para duração da PPP é de 30 anos e poderá ter um investimento de aproximadamente 883 milhões de reais no decorrer do período

dsc 1471 20141015 1661377083Durante a 19ª sessão da Câmara de Paulínia, na última terça-feira, dia 14, o vereador Doutor João Mota (PT) disse estar preocupado com a maneira como está sendo realizada a PPP (Parceria Público-Privada) do Parque Brasil 500, e pediu aos demais colegas vereadores, que fiquem atentos ao processo.

Mota disse que a população aguarda um posicionamento do Legislativo sobre o assunto, já que enquanto o Executivo apresenta uma PPP que irá custa milhões aos cofres do município, serviços básicos ao cidadão como saúde e educação, estão precários.

Mota explicou também que a seu ver, na forma como a PPP está sendo feita, ela trará vantagens econômicas excessivas ao parceiro privado e o município ficará com um ganho menor. “Apesar da audiência pública que foi realizada, peço que o Executivo mande um representante à Câmara,  para explicar melhor a PPP diretamente aos vereadores”, disse Mota. Como o vereador Mota que pediu ampla discussão; os vereadores Fábio Valadão (PROS) e Ângela Duarte (PRTB) também se mostraram temerosos à forma como está sendo feita a PPP do Parque Brasil 500, e fizeram duras críticas ao processo. Já o vereador Zé Coco (PTB) disse que nada ainda passou pelo crivo do Legislativo, mas que quando isso ocorrer, ele vai está atento.

Parceria Público-Privada do Parque Brasil 500

Segundo a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Paulínia, se aprovada a parceria, Paulínia ganhará um centro de convenções de grande porte e que deverá ser construído entre o Theatro Paulo Gracindo e o Sambódromo. Toda a área ao redor deverá ser urbanizada e receberá toda a infraestrutura necessária. A obra que tem um prazo de 24 meses a partir do início custará 233 milhões de reais. Parte do pagamento será feita em parcelas de acordo com o andamento das construções e outra parte com a venda de uma área para a empresa ou consórcio que vencer a licitação, caso haja.  O prazo para duração da PPP é de 30 anos e poderá ter um investimento de aproximadamente 883 milhões de reais no decorrer do período.10494696 686556674774766 212158995143303064 n

Nesta área, que faz parte do acordo da PPP, deverá ser construído um complexo hoteleiro, um parque temático, áreas de lazer aproveitando o potencial hídrico do local e uma área de construção mista que poderá receber edifícios comerciais e residenciais de até seis andares. Depois de pronto, o complexo Brasil 500 será um dos maiores centros turísticos, de lazer e entretenimento do pais e irá beneficiar diversas camadas sociais, através da arrecadação de impostos e geração de empregos e renda, atraindo investimentos de empresas de diversos segmentos para se instalarem e investir na cidade.

Fonte: Assessoria de imprensa gabinete do vereador Doutor João Mota 

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo