Dr. Joao_Mota

Doutor João Mota pede escola para formação de servidores

Vereador fez ainda outras quatro proposituras na 7º sessão ordinária da Câmara

Dr. Joao_Mota
 O vereador Doutor João Mota (PT) apresentou quatro indicações e um  requerimento na última sessão ordinária da Câmara Municipal de  Paulínia, no último dia 23. Destaque para a indicação que pede ao  Executivo um decreto visando a organização de uma escola de governo  para a formação do servidor público municipal, nos termos do parágrafo  segundo do Artigo 94 da Lei Orgânica do Município.

 Este tipo de escola já existe em várias cidades; em São Paulo, por  exemplo, a escola contribui de forma efetiva com a melhoria dos  serviços públicos prestados aos cidadãos, proporcionando aprendizado  contínuo e compartilhado aos servidores municipais. O vereador decidiu  fazer a indicação depois de ouvir em reuniões realizadas nos bairros  junto aos moradores, reclamações do atendimento prestado pelos  servidores aos munícipes em órgãos públicos.

 Destaque também para o requerimento destinado a Empresa  Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) do Governo do Estado;  que solicita a mesma que afixe os horários da linha 604  Campinas/Paulínia e 604EX Paulínia Shopping/Shopping D. Pedro, em  todos os pontos de parada da Avenida José Paulino, no ponto da  Avenida Brasília e no Paulínia Shopping, para consulta pública.

 A intenção do pedido é facilitar a vida dos usuários do transporte  intermunicipal, já que com os horários fixados nos pontos, o usuário  poderá programar melhor seu dia-a-dia, além disso, poderá também  fiscalizar se os horários estão sendo cumpridos. Vale ressaltar que o  requerimento pede que junto aos horários, contenham os números e  endereços de e-mail para reclamações e sugestões do serviço. 

 Promover a saúde e o bem estar com segurança, essa foi a intenção do  vereador com a indicação que sugere ao Executivo a construção de  pista de cooper no canteiro central da Avenida José Paulino; do balão do Lar dos Velhinhos até o Portal Medieval. Todos os dias sempre nos finais de tarde, jovens, adultos e idosos vão até o local para fazer o exercício físico.

Entretanto, o mesmo não é adequado para tal prática, pois o acostamento faz parte da via, portanto, segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o mesmo deve ser utilizado somente por veículos em caso de emergência. A utilização do acostamento pode coloca em risco a vida dessas pessoas, pois elas ficam muito expostas aos veículos que transitam na via, aumentando assim as chances de atropelamentos. A indicação pede que a pista de cooper seja construída dentro das normas de especificações exigidas, a fim de ajudar as pessoas a terem resultados positivos nas suas atividades físicas com segurança.

Outra indicação sugere ao Executivo o desassoreamento da lagoa localizada na divisa dos bairros Santa Terezinha e Recanto do Lago. Segundo o vereador, o objetivo é acabar com um problema que vem atormentando os moradores que residem na beira da lagoa, que são os alagamentos. Quase todas as vezes que Paulínia é atingida por fortes chuvas, os moradores do local ficam apreensivos, pois a qualquer momento, o alto volume de água provocado pelas chuvas pode fazer com que a lagoa transborde e a água invada as casas. Quando isso ocorre, os moradores acabam perdendo vários objetos, fora o transtorno de terem seus lares submersos por vários dias esperando a água baixar. Além do prejuízo material, existe também a preocupação com a saúde. Isto porque, quando a água invade as casas, muitas vezes ela traz consigo animais peçonhentos como cobras. Outra preocupação é com a leptospirose, pois a água da lagoa se mistura com a água da rua, assim a doença passa a ser um risco aos moradores. Os munícipes dizem que o problema acontece devido ao fato da lagoa estar com muita terra que estaria supostamente descendo de uma horta que existe ao lado.

Outra indicação do vereador pede ao Executivo, obras para o fechamento da cratera aberta pelas chuvas na Rua 9 do bairro Jequitibá II. Há vários anos os moradores vêm sofrendo com o problema. Os moradores explicam que o buraco aos poucos vai se tornando cada vez maior, colocando em risco a vida de pedestres, pois a calçada que existia já foi engolida pelo buraco há muito tempo.

Na visão do vereador, os motoristas também correm risco, pois apesar da Prefeitura de Paulínia ter colocado proteções de concreto para evitar que algum veículo caía dentro da cratera, o buraco fica numa curva, o que pode provocar a queda de um veículo, principalmente à noite, caso o condutor esteja desavisado do risco. Mas o maior problema apontado pelos moradores é o tráfico e consumo de drogas. Como o buraco já se tornou uma cratera, muitos viciados em drogas utilizam o local diariamente, a qualquer hora, como ponto de venda e consumo de entorpecentes. Os moradores temem também, que o buraco possa ser utilizado por estupradores e esconderijo de assaltantes.

Fonte: Assessoria de Imprensa vereador Doutor João Mota

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo