Filhos da Fruta sugere “vale pedágio” para paulinenses que trabalham na região petroquímica

Em operação desde dezembro de 2009, na alça de retorno no km 132,5 da Rodovia Professor Zeferino Vaz, em Paulínia, e no Km 135,5, na divisa da cidade com Cosmópolis, as praças de pedágios já foram alvos de inúmeros protestos, organizados por entidades, trabalhadores e moradores dos dois municípios, contrários à cobrança. Em julho de 2013, manifestantes incendiaram as oito cabines da chamada “praça A” de pedágio, como mostra a foto acima. Nesta quarta-feira (27), o pedágio foi tema de audiência pública na Procuradoria-Geral da República (PGR), em Brasília (VEJA MATÉRIA), e, terça-feira (26), da Indicação 290/2019, do vereador Manoel Barbosa de Souza, o Manoel Filhos da Fruta (PCdoB).

O parlamentar solicita isenção do pagamento de pedágio para moradores de Paulínia, que trabalham na região do polo petroquímico da cidade. O benefício, denominado “Vale Pedágio”, deverá ser criado por meio de projeto de lei, elaborado pelo Poder Executivo e, depois, enviado para votação na Câmara Municipal. “Muitos moradores da nossa cidade trabalham nas imediações dos bairros Cascata e Bonfim, e a despesa com pedágio pesa no final do mês. Então, até que a situação seja resolvida, a isenção para esses trabalhadores paulinenses é medida que considero justa”, comentou Filhos da Fruta (PCdoB).

Praças melhores

Filhos da Fruta (PC do B) reivindica melhorias nas praças da região do Monte Alegre. “A Praça localizada na Rua Emílio Tischer, no bairro Monte Alegre II, é muito arborizada e  os moradores estão solicitando  a instalação de brinquedos (playground) para  as crianças”, afirma ele, na Indicação 281/2019. Já para a Praça Central do Monte Alegre I, o parlamentar pede estacionamento e academia ao ar livre (Indicação 283/2019).

Trânsito e Saúde

De acordo com o vereador, moradores e comerciantes da região do Jardim Planalto pedem uma lombofaixa nas proximidades do número 379, da Avenida Fausto Pietrobom, visando melhorar a segurança dos pedestres, e reduzir a velocidade dos automóveis que trafegam pela movimentada via municipal. “Constatamos que, naquela região, o fluxo de pedestres é intenso, principalmente no horário comercial, o que aumenta o risco de acidentes de trânsito”, diz ele, na Indicação 282/2019.

Na área da saúde, o parlamentar defende a aplicação de treinamento técnico e motivacional para servidores concursados e terceirizados que atuam no setor, além da ampliação do corpo clínico que atende a população. “Isso, resultará em atendimento de qualidade, com uma equipe preparada e um número maior de profissionais da saúde atendendo a demanda da nossa cidade”, afirma, na Indicação 284/2019.

Acompanhe andamento das propostas

Texto: Mizael Marcelly (MTb nº 40.914/SP)
Assessoria de Imprensa
imprensa@camarapaulinia.sp.gov.br
Foto: CMP

 

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo