Helder Pereira questiona destino de verbas para centros de educação

O vereador Helder Pereira (PL) pede informações sobre o Centro de Formação do Magistério em Paulínia (magistério é uma modalidade que capacita profissionais para dar aula).

Segundo ele, a construção do espaço já estava prevista no plano plurianual e na Lei Orçamentária de 2023, destinando R$ 1,3 milhão para a iniciativa. Entretanto, ainda não se tem informações sobre o andamento.

Outra obra prevista pela Lei Orçamentária, no valor de R$ 495 mil, é o Centro de Referência da Educação Inclusiva. Helder também questiona se há estimativa para a construção.

Além disso, o vereador cobra Escola de governo e Gestão do Executivo e Legislativo, com cursos para servidores, e sugere o aumento da Unidade Básica de Saúde do bairro Jardim Amélia, para suprir as demandas.


A proposta está em sintonia com o ODS 4 – Educação de Qualidade. ODS são Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, uma agenda mundial que estabelece ações em áreas importantes como erradicação da pobreza, saúde, educação, igualdade de gênero e redução das desigualdades.


Imagem: Prefeitura de Itaquaquecetuba

Texto: Lara Santana (Estagiária)

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo