José Soares pede incentivo a catadores de recicláveis e centro para PCD visual

Para reconhecer a importância dos catadores de materiais recicláveis, o vereador José Soares (Republicanos) sugere programa de incentivo à categoria. Para ele, os profissionais deveriam passar por cadastro e receber descontos em impostos, pois contribuem com a triagem do lixo descartado e reduzem gastos de limpeza urbana.

“Anônimos na cidade, desenvolvendo um trabalho onde o resultado é uma destinação nobre e correta dos resíduos. Colaborando no impacto ambiental com o reaproveitamento ou descarte adequado, contribuindo também com a redução da proliferação de insetos, economia no consumo de água e luz”, diz o vereador.

José Soares também solicita centro de referência para pessoas com deficiência visual, incluindo atendimento médico, serviço psicossocial e programas culturais, esportivos e educacionais. Outra ideia é centro de terapias voltado a crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA), com ambiente especializado e profissionais multidisciplinares.

As propostas incluem ainda reforma e manutenção dos portais do município; inclusão do jiu-jitsu como atividade esportiva extracurricular nas escolas; recapeamento asfáltico de ruas e avenidas; e oferta de sacos plásticos nas praças e parques do município, para recolhimento das fezes dos animais.


A proposta de incentivo aos catadores de materiais recicláveis está em sintonia com o ODS 8 – Trabalho Decente e Crescimento Econômico. ODS são Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, uma agenda mundial que estabelece ações em áreas importantes como erradicação da pobreza, saúde, educação, igualdade de gênero e redução das desigualdades (saiba mais).


Imagem: Prefeitura de Olinda

Texto: Felipe Luchete.

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo