José Soares propõe atendimento odontológico emergencial no Hospital Municipal de Paulínia

José Soares propõe atendimento odontológico emergencial no Hospital Municipal de Paulínia

Três Indicações do vereador José Soares (Republicanos) estão relacionadas à saúde pública de Paulínia. Na 1281/2019, ele sugere ao Chefe do Poder Executivo uma “sala de atendimento emergencial para odontologia” no hospital municipal da cidade. De acordo com o texto da propositura, prestar atendimento odontológico no ambiente hospitalar significa propiciar mais segurança para pacientes com patologias graves, especialmente aqueles com riscos cirúrgicos, facilitando a solicitação de exames e tratamentos específicos, bem como o acompanhamento clínico.

Eventuais emergências de saúde envolvendo crianças e adolescentes da rede municipal de ensino podem, segundo a Indicação 1282/2019, do vereador republicano, ser resolvidas nas próprias escolas. Para isso, ele propõe ao Pode Executivo salas de enfermaria com enfermeiro (a) ou técnico (a) de enfermagem em todas as unidades escolares. “O corpo docente, discente e funcionários da escola não possuem a correta formação para socorrer adequadamente em casos de necessidade, assim, o pronto atendimento pode salvar vidas”, afirma José Soares.

Na Indicação 1283/2019, o vereador relata que ao visitar a Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro São José, constatou que o Oxímetro de dedo, aparelho que mede a quantidade de oxigênio no sangue, encontra-se inutilizado. “Em um cenário hipotético em que um paciente chega ao local com dificuldades respiratórias e necessitando de intubação, sem o aparelho em condições de uso, como será realizado o controle do oxigênio que será ministrado ao paciente?”, questiona José Soares, no pedido de reparo imediato ou substituição do aparelho.

Na área de educação, o vereador propõe (Indicação 1279/2019) ao Executivo a substituição do padrão de energia da Creche Carolina Rother Ferraz, no bairro Santa Terezinha. “Há no local, riscos de incêndio e medidas urgentes precisam ser tomadas. Acreditamos ser necessária a substituição do padrão elétrico, para retomada da segurança do local”, alerta ele, por meio da propositura.

Visando reduzir a conta de água dos consumidores paulinenses, José Soares apresentou a Indicação 1280/2019, propondo a instalação de equipamento que elimina o ar das tubulações.  “O ar presente no encanamento de água tem elevado o valor das faturas, pois faz os ponteiros girarem como se fosse água, gerando cobrança por recursos não utilizados pelo consumidor”, afirma ele.

Caso a medida seja colocada em prática pelo Poder Executivo, o vereador explica: “Os aparelhos deverão ser certificados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), e os custos da instalação serão da concessionária. A instalação e a retirada do aparelho deverão ser solicitadas à concessionária de água da nossa região”.

 

Texto: Thiago Henrique
Assessoria de Imprensa
imprensa@camarapaulinia.sp.gov.br
Imagens: Prefeitura de Curitiba– PR
Câmara Municipal de Paulínia

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo