Mais segurança para mulheres em ponto de ônibus é proposta de Tiguila

Mais segurança para mulheres em ponto de ônibus é proposta de Tiguila

O vereador Tiguila Paes (Cidadania) sugere que o município adote um sistema interativo que conversa com mulheres sozinhas enquanto aguardam o transporte público: ao tocar tela eletrônica com câmera noturna, a usuária faz uma chamada de vídeo com um atendente, que fica à disposição até o veículo chegar.

A iniciativa foi desenvolvida por uma empresa de mídia e implantada em pontos de ônibus de Campinas. O projeto “Guarded Bus Stop” ficou mais conhecido ao vencer o Leão de Ouro do Festival de Cannes, importante evento de publicidade mundial.

Ainda sobre o tema de transporte, ele pede mais pontos de ônibus nos bairros Patropi, Olinda e Jardim Planalto e pergunta se é possível a contratação de uma empresa para o transporte de atletas, para campeonatos esportivos e eventos.

Tiguila ainda sugere “Pit Stop Bike” em pontos estratégicos do município. Segundo ele, o espaço deve funcionar como uma mini oficina para pequenos reparos e ajustes nas bikes, contando também com uma bomba para calibrar os pneus.

O vereador também cobra informações sobre móveis e equipamentos do Parque Ecológico Armando Muller.


A proposta está em sintonia com o ODS 16 – Paz, Justiça e Instituições Eficazes. ODS são Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, uma agenda mundial que estabelece ações em áreas importantes como erradicação da pobreza, saúde, educação, igualdade de gênero e redução das desigualdades.


Imagem: Via Trolebus

Texto: Lara Santana (Estagiária) 

Compartilhar essa postagem


Pular para o conteúdo